29 de janeiro de 2012

MÊS DE JANEIRO- SUIÇA :)



Esta rubrica pretende que em cada mês do ano eu demonstre um prato típico de determinado país! Resolvi começar pela Suiça porquê? Nem mais nem menos pelo facto de lá ter vivido 7anos desde pequena. Posso dizer que já vivi quase no paraíso:) lembro-me como se fosse hoje de quase todas as brincadeiras, lembro-me dos aromas, dos parques verdejantes primaveris (Neuchâtel entre muitos outros) que a maravilhosa Suiça tem:) a neve...ai a neve!Confesso que não tenho a noção de ser tão fria como dizem:) talvez por ser criança e rebolar sobre ela constantemente e fazer esculturas dignas de prémio:)

E atenção, não é que eu não goste de Portugal! mas hoje em dia acho que todos nós temos uma relação de amor-ódio com este belo cantinho à beira mar plantado! Que tem tanto de bom, ou melhor, que a Suiça, mas que ,não apontanto dedos porque estariam 4virados para mim, não é bem aproveitado!Mas é lindo o meu País,com isso penso que todos concordamos!



Fondue de Queijo Suiço...um sabor divino!!!
É originário da Suiça, foi inventado durante os frios invernos alpinos, quando as montanhas e os vales ficavam cobertos pela neve e as pequenas vilas isoladas, quando então, o abastecimento de alimento fresco não era possível. Daí os produtos mais comuns eram o queijo, o pão e o vinho.
A palavra fondue é de origem francesa "fondre" que significa derreter. Por isso o queijo usado precisa ser de fácil digestão.
A tradicional receita de fondue suiço tem o nome da região onde foi criado Neuchâtel e usa os queijos gruyère e emmental. Porém, outras regiões da Suiça usam seus próprios queijos e vinhos. Ingredientes como: presunto, ovos e tomates eram também adicionados, foi como o fondue se espalhou pelos países vizinhos possibilitando outras variações.

Existe ainda o fondue de chocolate que terei cá representado numa próxima oportunidade...

26 de janeiro de 2012

Momento de leitura fascinante:)

"Nicholas Sparks admite que os temas dos seus romances foram influenciados por histórias reais com que ele teve contacto ao longo da sua vida. Foi o caso de Diário da Nossa Paixão, um livro comovente e raro que inspirou um filme de êxito. Mas o tema do amor comprometido, generoso e tolerante, que supera o desgaste do tempo, não deixou de fasciná-lo e deu origem a este novo romance, que se entretece ainda com aquele título inesquecível, projectando a sua força redentora na história de um casal em crise.
Após 30 anos de casamento, Wilson Lewis, o genro de Allie e Noah Calhoun, as personagens centrais de O Diário da Nossa Paixão, reconhece que o seu casamento se transformou numa relação rotineira e sem calor. Desesperado por reconquistar o coração da sua mulher, vai ter de descobrir se ainda é possível reacender a chama do amor no coração de Jane."

Um livro simplesmente fantástico que ainda estou a descobrir:)

                                        

 Nada melhor neste dia tão frio e cinzento que nos acordou hoje, que uma boa chávena de café com leite bem quente, para ganhar coragem para o Inverno que se faz notar...

                
Palavra que define: Persistência.
Seu verbo: Eu tenho.
Você representa: A infância do zodíaco.
Uma caracteristica: Viver no seu ritmo.
O que menos suporta: Que o apressem.
Sua mente: É calculadora e persistente.
Sua imaginação se caracteriza por: Ser ágil e oscilante.
No amor: Procura a perfeição em todas as direções.
Seu maior defeito: Ciumento.
Sua maior virtude: Honestidade.
Seu sonho secreto: Desfrutar de todos os prazeres que a vida lhe oferece.                                            
Arma secreta para seduzir: Sua voz e sua forma de desfrutar a vida.
Sua sexualidade está cheia de: Sensualidade e complacência.
O que você ostenta: Sua segurança.
O que faz falta: Adaptar-se às mudanças.
Sua filosofia: Pouco a pouco vamos longe.
As viagens: Desde que sejam cheias de comodidade.
Os amigos significam: Sonhos e esperanças.
Medo oculto: A solidão e um futuro incerto.
O que não deixa você avançar: A obstinação e a teimosia.


Para quem não me conhece, e apesar de não acreditar minimamente nos signos, ironicamente cá está um bom passe para saberem mais de mim:p

25 de janeiro de 2012

Hmmm....delicioso:)

             Fusilli com carne à bolonhesa



Copinhos de chococheese(com queijo fresco magro)



Acreditem em mim é super simples de fazer e são uma delícia!têm de comer 15 a 20min após serem feitos. Querendo saber receitas contactem-me:) terei todo o gosto em ajudar:) mais tarde estarão cá todas prometo, assim que as ponha para o papel:p

23 de janeiro de 2012

Mais uns pratinhos que tanto me deram gozo:)

  Guisado de carne, com puré de batata gratinado:p
Não sei bem porquê mas este prato faz-me lembrar a branca de neve...não me perguntem porquê:)

  

             Shnitzel com arroz branco e pimentos

                                            

Fusilli gratinado de pescada e atum...uma delícia!!!


 Não sabia o que fazer...acabou por sair esta maravilha,modéstia à parte, têm mesmo de experimentar! 

  E todos comeram peixinho e adoraram:)




21 de janeiro de 2012

Momento de leitura... Diário da nossa paixão!

Quase não há palavras que descrevam este livro! Com esta história, Nicholas Sparks deixa-nos arrebatados com a força que Um Amor verdadeiro pode ter! Descreve-nos momentos intensos de paixão mas também de desilusão! Faz-nos contudo acreditar que não importa procurarmos, o que tiver "que ser para nós" a nível sentimental, acabará por fazer-se notar! Por mim falo também...quando deixei de procurar, reencontrei aquele com quem no fundo já sonhava e me imaginava a envelhecer! Não há nada mais bonito e profundo que amar verdadeiramente e sentir que se é correspondido! Um amor onde ha cumplicidade, onde há brigas disparatadas com que todos nos identificamos, uma diferença cultural e social, que os une ainda mais! é tudo isto que irão encontrar neste livro e deliciarem-se com uma leitura que nos toca a todos e nos aquece a alma e corações! Boa leitura:)


E quem ainda não viu, há o filme também!o melhor até hoje (a meu ver)em que retrataram um livro de Nicholas Sparks

Tão bons no inverno...

 

Hmmm, nada mais simples e tão bom, acompanhado de um bom chá! Bolo de mármore fofinho...delicioso!



Ingredientes:

200 g de açúcar
200 g de manteiga (de cozinha)
5 ovos
175 g de farinha
1 colher de sopa de fermento em pó
25 g de cacau

Preparação:
Bate o açúcar com a manteiga até obteres uma mistura esbranquiçada.
Adiciona os ovos, um a um,e bate ate se desfazerem e ficar um creme homogéneo, junta a farinha peneirada com o fermento aos poucos. Divide a massa para dois recipientes.Numa delas mistura cacau em pó.
Com uma colher grande, deita a massa branca e a massa do chocolate alternadamente, numa forma redonda untada com manteiga e farinha..
Leva a cozer em forno médio durante 40 minutos vai vendo na mesma porque depende dos fornos.Para evitar que queime, nos 20min finais cobre a forma com folha de alumínio e continua a cozer.


Esta é a receita normal, eu geralmente ponho sempre menos açucar e menos ovos, mas isso já depende do vosso gosto:) e podem trocar a manteiga por 1/2 chávena de oleo girassol.

Folhados mistos douradinhos...de ficar com água na boca:p
   



ok, a aparência não é das melhores...mas têm de provar estes croissants de chocolate quando ainda estão morninhos :p

Os bolinhos de aniversário:)



Este foi o bolo que fiz para o meu amor no seu aniversário:)

 Um bolo de mármore com recheio de chantilly.


 E este foi o bolo de chocolate que fiz para a minha maninha nos seus 19aninhos:)

Feito este Natal passado:)

Bolo de Chocolate com mascarpone


 Maravilhoso e húmido, óptimo para amantes de chocolate!:)






 Um momento inesquecível"....de boa leitura:)

Um livro simples e inocente de "Nicholas Sparks", que nos remonta à adolescência e aos sentimentos puros sem malícia, em que segurar a mão de alguém era o objectivo principal. Uma história em que o lema, no amor e na doença, vai além das palavras! Faz-nos sorrir, mas acaba inevitavelmente por nos fazer chorar. É este o poder das suas palavras, entramos no seu mundo e conseguimos até sentir a brisa que as personagens sentem!Aconselho vivamente esta leitura àqueles que por algum motivo tenham perdido a fé na inocência dos sentimentos. Boa leitura:)






                   Amoridoce
Amor, porque é o sentimento que comanda a vida, é através dele que tudo de bom existe e se cria! É com amor que cozinho e tento que tudo que faço seja o mais perfeito possível. Nem sempre o é, mas é mesmo assim que vou aprendendo... a dar mais atenção ao tempo...mais um toque disto, menos uma pitada daquilo... A cozinha é constante evolução. E... Doce, porque é sempre preciso doçura na vida! Doçura nas palavras, nos actos, nas relações...Te agradeço a ti que tanto me dás e ensinas ao longo destes anos juntos, devo-te grande parte da minha doçura, acalmas e aqueces a minha vida!


Digamos que Amoridoce seria o lema que gostava de seguir daqui para a frente. Neste ano em que para muitos é o culminar...eu desejo recomeçar! Bem vindos:)



Sopa de abóbora com couve flor



Neste inverno que tem sido tão frio, sabe sempre bem uma destas quentinha:)





Assado de frango com courgettes





Hum... pelo que disseram os que provaram, este prato tão simples e fácil de fazer estava "mesmo bom":) é assim que eu gosto! Ver os outros satisfeitos com o que faço com dedicação!




 Fondant com iogurte natural e frutos silvestres


Bem, sinto muito por quem ainda não os provou :p o iogurte dava-lhes uma certa leveza que contrastava com o ácido dos frutos e a intensidade do chocolate...hmmmm!



Nicholas Sparks


Sem dúvida um escritor fantástico, que nos envolve com a magia das suas palavras, pondo os mais cépticos, sim, até esses a rir à gargalhada, ou simplesmente a deixar-se cativar pela beleza que Sparks consegue transferir para as palavras, transformando-as em emoções, em Vida!



Sejam felizes...façam alguém feliz :)